A castração é um método mundialmente reconhecido por ser altamente seguro e eficaz no controle populacional de cães e gatos urbanos e atuar na prevenção e redução de diversas doenças. Além de reduzir a taxa de natalidade, colabora para a longevidade e bem-estar dos animais. O número de animais carentes e abandonados devido a nascimentos indesejados é um problema social que pode ser revertido com a castração.

Dentre os inúmeros benefícios da castração, destacam-se:

• Diminuição da superpopulação pela redução de gestações indesejadas e consequentes

abandonos;

• Redução dos passeios externos e problemas associados como desenvolvimento de

doenças infecciosas contraídas nas ruas, traumas e atropelamentos, intoxicações e maus

tratos;

• Redução no comportamento de cio e prevenção de doenças reprodutivas em fêmeas.

• Redução do risco de enfermidades mamárias, uterinas e ovarianas como neoplasias e piometra.

• Prevenção de doenças progesterona e estrogênio dependentes como pseudociese, hipertrofia mamária felina e estro persistente;

• Prevenção de distúrbios testiculares e epididimários em machos (neoplasias, orquites,

epididimites), além de auxiliar no tratamento de doenças andrógeno-dependentes como

a hiperplasia prostática benigna, prostatite crônica, adenoma e hérnia perineal;

• Auxílio no tratamento de doenças não relacionadas ao sistema reprodutor como diabetes

e epilepsia;

• Possível redução de comportamentos indesejados como territorialismo, agressividade e marcação de território.

Consulte sempre o médico-veterinário de sua confiança para avaliação e orientação sobre a castração para o seu pet.